2011, 2012, 2013…

Happy New Year!

Você pode discordar, mas eu ADORO essa coisa de celebrar um Ano Novo (assim mesmo como se fosse nome próprio). Eu sei, não muda nada, e hoje apesar de todas as minhas expectativas e de todo o pensamento positivo eu não acordei com a cara da Angelina Jolie e o corpo da Gisele. Olhei no espelho e estava lá tudo igualzinho… mas quem se importa?! É um ano inteirinho escancarado na sua frente, onde você refaz as metas, aumenta o prazo das promessas que fez pra si. É a época que a gente renegocia os contratos que assinou consigo mesmo e se dá outra chance. Tem como não gostar disso?

Eu cometi erros em 2010 e passei 2011 meio tentando me redimir com a vida, com quem eu amo e comigo principalmente, então eu tenho todos os motivos do mundo pra acreditar que 2012 é o ano da colheita. E meio que já tô de cestinha na mão esperando por coisas incríveis florescerem.

Peace & Love

A grana ainda é curta, o trabalho ainda é um desafio e algumas coisas se perderam pra sempre nesse trajeto. Mas o bacana da vida é a volta por cima e a maior meta que tracei pra mim esse ano é parar de olhar pra trás… Esse é o ano de receber amigos, de fazer novos amigos, de rever a Nova Zelândia pelos olhos de quem nunca esteve aqui. Perceber o encantamento que esse lugar tem pela perspectiva de quem apresenta. Esse ano a casa precisa virar lar, os amigos se tornarem família e o trabalho uma fonte de prazer e realização.

É lógico que não é a virada do ano que faz isso pela gente. Qualquer um pode, numa quarta-feira qualquer decidir que à partir de quinta-feira tudo vai ser melhor, diferente. Cabe a você decidir quando o seu ano começa e quando você sente que é hora de renegociar suas promessas. Pra mim, a hora é agora…

FELIZ ANO NOVO! SEJA LÁ QUANDO VOCÊ DECIDA O COMEÇO DELE!

Nota de Rodapé: “Tô me afastando de tudo que me atrasa, me engana, me segura e me retém. Tô me aproximando de tudo que me faz completo, me faz feliz e que me quer bem. Tô aproveitando tudo de bom que essa nossa vida tem. Tô me dedicando de verdade pra agradar um outro alguém. Tô trazendo pra perto de mim quem eu gosto e quem gosta de mim também. Ultimamente eu só tô querendo ver o ‘bom’ que todo mundo tem. Relaxa, respira, se irritar é bom pra quem? Supera, suporta, entenda: isento de problemas eu não conheço ninguém. Queira viver, viver melhor, viver sorrindo e até os cem. Tô feliz, to despreocupado, com a vida eu to de bem.” Caio Fernando Abreu

 

Anúncios

2 comentários sobre “2011, 2012, 2013…

  1. Amiga… Como vc escreve!!! É incrível como vc consegue colocar em palavras alguns sentimentos tão difíceis e intensos. Adorei o post e nem preciso dizer que caiu como uma luva, né?! Já, já a gente se vê!!
    Um beijo e feliz ano novinho em folha pra vc!!! Te amo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s