EBA!!! E agora?!

Você já quis tanto uma coisa, mas tanto, tanto… de faltar o ar? Já sentiu a respiração engasgar? Sabe o que é uma respiração que engasga? É aquela que é interrompida bem no meio por outra ainda mais urgente. – Se tem alguém por perto pergunta imediatamente “tudo bem aí?” – E se você não é como eu que fico imediatamente com a bochecha vermelha, até passa batido. Com sorte acham que é soluço. Eu vou dizer sinceramente que conto nos dedos de uma só mão quando isso aconteceu. E quando acontece, mesmo não fazendo alarde, sei que estou encrencada.

Querer alguma coisa assim, visceralmente, é um risco enorme, porque o tamanho da felicidade de conseguir é inversamente proporcional ao tamanho da frustração que você vai ter que encarar se as coisas não forem como você espera. Por outro lado, não é alguma coisa que você possa se dar ao luxo da escolha. Querer, é por essência um sentimento involuntário. Quando a gente é criança e decide que quer patins quando todo mundo quer bicicleta, a gente não sabe bem porque. Quer e pronto.

Já o “não querer” é diferente. Não querer alguma coisa, sempre tem explicação.  Quantas vezes na sua infância você retrucou sua mãe com a frase: “Porque não, não é resposta”. De fato não é, mas é que as vezes é tão complicado explicar e o outro não está pronto pra entender a resposta que você tem pra dar, que realmente “porque não e pronto” acaba sendo uma excelente opção. Pra quem diz, não pra quem ouve, é bom esclarecer.

Com essa história do visto tem sido mais ou menos assim. Eu quero ficar. Não sei bem porque. Gosto daqui, acho que posso ter conquistas significativas profissionalmente na Nova Zelândia. É um país que está começando a andar com as próprias pernas na área de entretenimento e eu tive a sorte de cair de pára-quedas em uma empresa que não para de crescer. Gente nova, raçuda, que trabalha com amor. Outro dia estávamos assistindo a um vídeo aqui da empresa e geral orgulhoso, arrepiado… é isso!  Mas isso eu também poderia encontrar em qualquer outro lugar do mundo. Não sei porque quero ficar, mas sei porque não quero ir embora: porque ficar aqui foi o que me propus a fazer desde a primeira nota de 50 Reais que coloquei na gaveta há um ano atrás pensando nessa viagem.

Eu até sei que as coisas que mais demoram a acontecer são as mais gostosas porque há o tempo de maturação daquele desejo. Sei também que algumas esperas excruciantes acabam se justificando no final. Mas fica você no meu lugar um dia que seja engasgando a respiração toda vez que pensa no que quer?!

Tendo dividido essa agonia com vocês, dois meses depois está na hora de dividir o alívio também: Meu visto de trabalho finalmente foi aprovado pela imigração, o que garante ao Aventura Kiwi pelo menos mais dois anos de vida.  

E agora?!

Agora é apertar o “play”. Me sentir em casa, deixar de ser turista, absorver novas rotinas no trabalho, criar metas profissionais e pessoais; Achar uma mudinha de trevo de quatro folhas e mais umas plantinhas pra pôr na varanda; Cuidar das coisas práticas como abrir conta em banco, pagar imposto, entrar na academia; Ah! juntar uma grana pra viajar por esse país lindíssimo, ver o U2 em Auckland, a Brooke Fraser e o Bon Jovi aqui em Wellington; Deixar novos amigos entrarem; Começar uma nova coleção de livros e dvd’s…VIVER!

 

  ps: E não é que mesmo depois disso tudo, a respiração “engasgou” mais uma vez?! Humpf.

 ps2: happy little girls makes me even more happier 🙂

Anúncios

16 comentários sobre “EBA!!! E agora?!

  1. Moniquinha,

    De vez em quando passo por aki para ler as suas aventuras! Fiquei preocupada com o lance do terremoto, mas pelo que li aki está tudo indo bem por aí! Fiquei feliz com a sua determinação! Isso aí garota! Manda ver! Beijos e boa sorte em tudo!

  2. Afilhadinhaaaaaaaa……Felicidades! Q bom q vc conseguiu!!!!
    Vai fundo, apesar td q vc faz é profundo !
    Parabéns por mais uma conquista, vc é muiiiiito merecedora!

    O Fla….está uma m…….
    rsrsrsrsrs
    Continuo t amando muito e sempre, sempre torcendo pela sua felicidade.
    Tchau!

  3. Hey Monicaaaa.. q deliciaaa! Parabens por essa conquista!
    Eu entendo cada segundo de ansiedade e sei que tudo isso eh muito mais que uma conquista, pra gente que quer muito isso eh um objetivo bem realizado.
    Agora eh curtir e estar pronta pra vida nova!! Uhuuu

    So espero que esteja tudo bem por ai mesmo dps do earthquake em Christchurch. Nossa, continuamos chocados com o ocorrido. Mas espero que esteja tudo bem por ai.

    Bjao!

  4. Mônica,
    não poderia de deixar uma mensagem em meio há outras tantas de pessoas que te amam.
    Ao ler seu blog, fui fazendo uma pequena, porém longa viagem de todo o percurso de sua vida até o momento, a qual eu tive uma pequena participação coadjuvante. Posso entender muito bem quando você fala: “perder a respiração, quando se consegue algo que se deseja muito!”… Ao longo da vida, pude estar presente, em alguma dessas situações, e perceber sua bochecha rosada e a ausência do ar entrando em seus pulmões a partir de algo que você desejou muito e teve sucesso em sua conquista. Desde um “urso de pelúcia” enorme em uma vitrine, há uma conquista de estágio na sua primeira Grande Empresa Fonográfica, eu posso compreender e sentir o que você sentiu aí, neste novo País que você escolheu para escrever mais umas páginas do livro de sua vida. Sei também que as conquistas também nos impõem uma auto – cobrança, pois quanto maior a vitória, maior a responsabilidade de “fazermos dar certo” o que tanto desejávamos, e quando por algum motivo não temos o sucesso esperado, a frustração nos vem na mesma proporção do nosso desejo. Mas neste momento também contamos com o apoio daqueles que de alguma forma torceram por nós.
    Filha! Não posso negar que fiquei literalmente “entre a cruz e a espada”, tive momentos de grande conflito em meu coração de mãe, que torcia e ao mesmo tempo te queria de volta, mas esse sentimento tão confuso, você só poderá entender quando um dia tiveres a chance de “perder a respiração” ao ver o rostinho e escutar o chorinho de seu filho (a)…
    Mas o meu amor por você não é algo que eu tenha que provar ou mostrar para você, pois neste meu pequeno papel de pequena coadjuvante em sua vida, estive sempre entre os indicados ao o “Oscar” e sei que você reconhece demais esse amor!
    Por isso querida filha, continue sua aventura Kiwiana!!!e seja muito feliz nesses:
    Setecentos e trinta dias que te aguardam! Beijos e te amo!

  5. Que maravilha, Monica!! Muito sucesso pra vc!!

    Realmente, essa saga não poderia acabar ainda…

    Continuo aqui, acompanhando e curtindo cada capítulo dessa aventura (quase novela…rsss)

    Beijos

  6. Ai amada! Até que enfim! Essa agonia terminou, tenho certeza que agora será tudo mais fácil. Vida nova! Bola pra frente!!!! Tudo depende de você e sei que você tem competência para isso!!! Feliz feliz feliz!!!!!!!!!

  7. Prima, ficamos mto felizes por vc! Mais uma etapa da vida nova começa agora e não há mais dúvidas de que tudo vai dar certo, você merece, é batalhadora e uma linda menina de muita sorte! Fika com Deus! Te adoro! saudades….
    Jú e Bruno torcendo por você!
    Boa sorte!!!!

  8. Em tempos difíceis, essa foi uma excelente notícia! Me arrancou um sorriso sincero nessa segunda-feira intragável.
    Sei bem o quanto você precisa se sentir segura pra se jogar no sofá com tranquilidade e fico feliz de verdade de saber que sua vida aí vai, finalmente, começar. Em paz, como você merece!
    Tô feliz também de saber que tenho 2 anos pra planejar uma ida à Nova Zelândia, e eu vou mesmo, hein? =D
    Trate de fazer um flickr, um fotolog ou até mesmo entupir isso aqui de fotos. A gente quer VEEEEEEEEEER! Apelo visual rulez!

    Obrigada por me dar um bom motivo pra enxergar uma luz no fim do túnel, tava mesmo precisando.

    Te amo!

    Beijos

  9. puta queo pareoooo
    até que enfim !!!! yeah baby !
    adorei a boa notícia ! vai ser tudo mais lindo agora, Leletty
    e os planos são mooooitos
    opaaa … vamo q vamo
    bjão te amo !

  10. Ueba!! Parabéns pelo visto Monica!!
    Estou bem feliz por você… confesso que até eu já estava agoniada com tanta demora. hehehe
    É muito boa essa sensação de começar uma vida nova, não?!
    Beijinho x

  11. eeeee até que em fim saiu esse bendito visto!
    que voce comece uma vida nova, mas sem esquecer das
    pessoas que voce deixou aqui no Brasil (sua irmãzinha fofa).
    e eu quero muito que um dia eu possa morar ai com voce
    vai ser tudo de bom!
    te amo irmã, e que voce continue tento a sua sorte ai em Nova Zelândia!

  12. eu não engasgo. mas crio expectativas, como vc. e, no meu caso, em grande parte das vezes, devido a tamanha expectativa, não dá certo.
    parabéns pelo visto, até pq vc nunca pertenceu a isso daqui mesmo.
    passei um bom pedaço dessa agonia com vc, msm de longe, tentando de dar um colo à distância, por mais difícil q isso possa ser. mas que eu falei q ia sair, eu falei…

    agora, não entendi o ps. 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s